sábado, 12 de março de 2011

Sim, é essencial! Rumbora beber porque também to sem...



Se eu fosse repetir o texto...iam me abusar de plágio! Apois Quindim, você leu minha mente. E o pior: quem mandou expor assim meus pensamentos mais recônditos? Flavio Catão querido que é nosso macho mascote por aqui (e super bem vindo sempre) : acho que nem sinaleira tá dando tanto troco assim não viu? E Mari não tem lááá esta coordenação motora toda, então não vamos pedir demais da moça... as 3 bolinhas ou os bastões vão ser um suicídio em uma sinaleira!


Hoje, zapeando dei de cara com o Huck falando com uma ex-coletora do lixão de Gramacho, aqui no Rio. Pasmem, a mulher tirava 700 contos por mês. E ainda disse mais pra me agoniar: “Trabalhava pouco, fazia meu horário e tirava 700 contos por mês”. Alguém me dá um tapa na cara bem novela das oito para que eu possa tirar minha cara de “ PUTA QUE O PARIU HEIN MEU REI?”. Gente, se eu fosse dizer quanto ralo pra somar isso em um mês... e tento fazer meu horário sim...aliás, o faço: trabalho de 7h as 22h. Tá bom pra você?


Acho que já falei isso em algum texto por aqui: por favor, se eu estou com um problema , seja ele qual for, não me venha dizer que meu vizinho que mora lá no final da vila, tem um problema Y que é absurdamente pior que meu problema Z. Bom, a criatura já começaria mal, porque se Y vem antes que Z, o meu problema continua sendo pior! Dãããr! E segundo, meu Gzuz Cristinho, eu não tenho absolutamente nada com o caos alheio. Sim, tenho a partir do momento que me solidarizo com a tragédia da região serrana por exemplo. Oun meu povo...eu não sou “deficiente” de sentimentos e generosidade não! Pelo amor ne? Mas falo dos problemas nossos de todo dia, amém. São tão imensos pra nossa cabeça que fica difícil eu me preocupar com o tal vizinho com o problema Y.


Grana é meio que fundamental sim! Parem de levantar bandeiras socializadoras do tipo “dinheiro não traz felicidade”...HellooooUUU! Claro que traz! Você não ia ficar mega feliz em um sábado depois de uma semana inteira de trabalho puxado, de poder ficar em uma casa de praia super confortável e esquecer da vida? Ou então, você trabalho em pé o dia todo... acha lindo e super legal voltar para casa de ônibus? Aquele beeeem cheio com um cara que não sabe o que quer dizer “desodorante com ação prolongada”... Ah, você curte isso ne? Então, realmente meu rei, dinheiro para você não traz felicidade não. Fique onde está e deixa mais espaço para nós que achamos que traz um pouco sim, que nós queremos correr atrás desde ontem de manhã!


E para esquecer dos problemas... rumbora beber (ich!) que só na cerveja que encontramos o amarelo ouro da felicidade (ich!)



By Drix

2 comentários:

Mulheres TPM: ternas, polivalentes e modernas disse...

"...só na cerveja encontraremos o ouro amarelo da felicidade" Amei isso! Tô com a barriga doendo de tanto rir.... Viu, amiga, a dureza também, pode trazer felicidade, ca ca ca

Anônimo disse...

Ri litros! Muito alto astral seu texto, parabéns como sempre. E posso dizer que vir aqui para ler os seus textos já virou mania de todo dia!
Silvia